Blockchain – O que é Token?

Sempre que você leu sobre Blockchain, arte em NFT, Bitcoin ou outras criptomoedas, provavelmente já viu essa palavra em muitos dos textos. Mas afinal, o que é token? Nesse post irei explicar de uma forma muito fácil o conceito de token em Blockchain e incluir exemplos de onde é utilizado. Continue lendo!

Blockchain - O que é Token?
Blockchain – O que é Token?

É muito fácil encontrar essa palavra em textos de sites e blogs sobre Blockchain e criptomoedas. Você provavelmente já leu várias vezes mas sempre ficou com aquela dúvida do que realmente é.

Em nossos últimos posts sobre arte digital (NFT) o conceito de token fica bem claro, ao explicar, que ele está diretamente voltado a garantir a propriedade de algo.

Para lhe ajudar, nesse post você vai entender o conceito e também ver que sua aplicação é muito ampla e está sendo cada vez mais utilizada em várias áreas. Não somente na área de criptomoedas, arte digital, mas também na área de imóveis, empresas, etc.

Provavelmente, você está lendo esse post para completentar o que sabe sobre Blockchain. Caso não saiba nada ainda, convido você a ler o post “O que é Blockchain?“.

O que é Token?

Simples, rápido e fácil: é uma representação digital de algo (ativo) real. Simples assim.

Mas, o token tem algum valor financeiro? Sim! O valor depende do valor do ativo real que ele representa.

Como um exemplo bem prático:

Um museu precisa de dinheiro para reformas e decide “tokenizar” uma de suas obras para arrecadar fundos. Em troca, os investidores terão participação de propriedade nessa obra.

Se a obra tokenizada custa U$1,000,000.00 (um milhão de dólares) e existem 1 milhão de tokens a representando, cada token terá o valor de U$1.

Os investidores podem comprar quantos tokens desejarem.

No futuro, caso a obra seja vendida, os proprietários irão receber o valor de seu investimento mais a valorização que foi paga a mais pelo comprador do quadro fisico.

Uma start-up pode tokenizar seu lançamento oferecendo tokens para investidores interessados em ter participação na empresa (ICO – Initial Coin Offering).

Vamos lembrar novamente dos conceitos de arte em NFT. O NFT significa “Non Fungible Token” o que faz com que somente uma pessoa pode ter a propriedade da arte digital.

Nesse caso, o token é o que garante a propriedade da arte digital. Ao vender, o token vai para o comprador.

Complementando:

Token: representa algo em formato digital
Tokenizar: transformar algo no formato digital

A grande vantagem: roda em Blockchain o que significa que é totalmente decentralizado, garantindo segurança superior a contratos assinados com papel.

Tokens na blockchain Ethereum usam contratos inteligentes (contratos digitais – smart contracts).

Desse modo, é possível afirmar que um token ou cripto-token é um tipo de criptomoeda que representa algum ativo e que possui sua especificação armazenada na Blockchain. Uma cripto-moeda é um dinheiro digital usado para facilitar transações financeiras com a segurança da Blockchain.

Os tokens podem ser utilizados para investimentos, fazer compras, ou simplesmente guardar o valor investido.

É muito comum start-ups utilizarem o investimento em token para captação de dinheiro ou para compras coletivas antes de iniciarem suas operações.

Mais detalhes sobre O que é Token

Cripto-tokens são representações de criptomoedas. As criptomoedas ou moedas digitais rodam em Blockchain. Blockchain é um banco de dados que armazena as informações em blocos sequenciais ligados entre sí por algoritmos de criprografia.

Isso garante uma segurança extrema das informações armazenadas. A informação armazenada na blockchain é incorruptivel, transparente e imutável. Leia mais em “O que é Blockchain?“.

Com isso, o uso dos tokens não tem limite.

Uma loja pode ter um token que representa seus clientes leais e armazena os pontos que podem ser usados em sua rede ou até mesmo em empresas parceiras.

A AmazonPrime ou a Netflix podem usar tokens que incluem 15 dias de acesso grátis aos seus serviços.

Nada impede de termos um token que representa 10 Bitcoins, por exemplo, em uma Blockchain fechada e restrita a um grupo de participantes.

Start-Ups – ICO

As start-ups lançam suas ICO (Initial coin offering) que são versões digitais das IPO’s. Os tokes são criados a partir de uma criptomoeda. Os investidores compram os tokens usando a criptomoeda em que o token foi criado.

Os tokens podem ser utilizados em diversas maneiras. Os compradores podem manter os tokens como um investimento na start-up para vender no futuro, quando a empresa se valorizar. O investidor também pode trocar ou fazer compras utilizando o token.

Perguntas Frequentes

O que é um Token?
Token é a representação digital de algo real. Um token representa algo que pode ser comercializado e permite, ao seu proprietário, usar como investimento ou para comprar algo. O proprietário também pode vender o token.

Qual a utilidade de um token?
Os tokens são utilizados para captar dinheiro – Exemplo: comprar ações de uma empresa ou ter um percentual da propriedade de uma obra de arte.

Bitcoin é um token?
Não. Bitcoin é um a criptomoeda (moeda digital) que pode ser utilizada para compra e troca.

Conclusão

Um token é uma representação de algo em formato digital e não se restringe a representação de um ativo digital, na área de cripto-moedas. Os tokens são utilizados para se ter a titularidade de algo e também fazer sua transferência a outra pessoa. As características são segurança, transparência, e flexibilidade, pois ficam armazenados na Blockchain.

O uso de contratos digitais na Blockchain Ethereum é algo que faz com que o uso de tokens podem ser aplicados em várias áreas. Você faz o limite.